Motor

Tradição Renovada

Testamos o novo Audi A4 Sedan, o repaginado clássico alemão que mistura elegância com esportividade

31 Mai 2017 14:43

Maior, mais equipado, mais vistoso e melhor de dirigir. Em sua nona geração, o Audi A4 mantém apenas a tradição de seus modelos irmãos e suas versões anteriores. A testada pela Carbono Uomo, a Launch Edition, é luxuosa na medida, tem tecnologias mais avançadas que seus concorrentes diretos e um potente motor 2.0 turbo FSI de 190 cavalos.

O novo sedã da Audi aposta no conforto, nos mimos e na sofisticação para fisgar quem está pensando em gastar entre R$ 160 mil e R$ 200 mil no seu próximo carro de luxo. Noventa por cento de todos os seus componentes são completamente diferentes de sua versão anterior. Por isso, logo ao entrar no veículo, o motorista se depara com um cockpit virtual, que pode ser ativado através de comandos de voz. Nele, é possível ajustar desde rotas de navegação até as luzes internas de ambiente – com três opções diferentes. Com 12.3 polegadas, a tela em LCD pode ter suas funções customizadas, desde a exibição do conta-giros até a possibilidade de abrir um navegador Google Chrome se o carro estiver conectado a um smartphone.

Do lado de fora, a montadora aplicou luzes de condução diurna em LED na frente do carro. Os faróis têm ajuste automático de altura e um sistema próprio de limpeza. As rodas aro 17” estão presentes nas duas primeiras versões do modelo, a Launch Edition e Attraction. Uma terceira e mais luxuosa, a Ambiente, tem rodas aro 18”, bancos dianteiros esportivos e mais detalhes estéticos aplicados, como frisos decorativos internos e externos e um pacote porta-objetos e porta-malas.

Dirigir o A4 é sinônimo de tranquilidade no trânsito. O veículo é silencioso, a transmissão de sete marchas permite bom desenvolvimento da velocidade e o sistema elétrico de volante e suspensão evitam solavancos incômodos em pistas mais acentuadas. Perfeito para as cidades, o carro tem um sistema de eficiência e economia de combustível, que controla a injeção em baixas velocidades. O veículo ainda atua com start/stop, desligando quando ele para no trânsito ou em semáforos.

Com 100 kg a menos do que sua versão anterior, o A4 alcança uma velocidade máxima de 240 km/h, e vai de 0 a 100 km/h em apenas 7,3 segundos. O motorista pode optar pelo câmbio automático ou pela utilização de borboletas no volante. Entre os opcionais, a montadora oferece pintura personalizada ou metálica, sistema de ar-condicionado automático em três zonas, sensor de estacionamento traseiro e dianteiro – além de um side assist – e um delicioso sistema de som Bang & Olufsen 3D. A Audi ainda disponibilizou para o público brasileiro uma versão do veículo com 252 cavalos e tração nas quatro rodas, e o modelo A4 Avant, uma wagon.

Veja mais