Gastronomia

Vodca orgânica brasileira vence prêmio em São Francisco

Feita de cana-de-açúcar, a Tiiv tem medalha de prata no World Spirits Competition

8 Nov 2016 09:53

O clima quente da região rural do noroeste paulistano é propício para o cultivo da cana-de-açúcar. Tradicionalmente, Riberão Preto e seus arredores também é lar de uma cultura de pecuária histórica. Mas em Taquaritinga, cerca de 80 km ao sudeste da metrópole, fica uma jóia escondida do interior: a destilaria que produz a Tiiv, uma vodca orgânica que acaba de chegar no mercado brasileiro.

Nascida como uma aposta dos empresários Guilherme Vitullo, Bruno Mori e Henrique Sarhan, a Tiiv ganhou medalha de prata em sua primeira participação no San Francisco World Spirits Competition, em março deste ano. Feita de cana-de-açúcar orgânica em um processo único, patenteado pelos sócios, a Tiiv cativou os 39 jurados da competição pela pureza em sua composição: “Nosso mote é que ela é mais pura que a Absolut, algo que conseguimos comprovar no laboratório”, explica Guilherme Vitullo.

Vitullo construiu carreira no ramo da publicidade, trabalhou para uma marca de energético e sempre gostou de baladas e do mundo do entretenimento em geral. A destilaria de Taquaritinga já estava na família de um de seus dois outros sócios há 30 anos. Foi de lá que saíram os primeiros 30 litros da bebida que daria origem à Tiiv – uma sigla para Thanks it is vodca. “Nós já recebemos o álcool neutro tridestilado. Misturamos com a água pra chegar nos 40%, e destilamos tudo de novo mais de 15 vezes. É um processo patenteado, uma coluna de destilação que possibilita esse tipo de fabricação. A vodca passa por essa coluna e todas as toxinas viram adubo de cana, toda a água é desmineralizada. Eu uso na caldeira de novo, posso guardar ou posso dispensar, porque sai uma água pura”, diz.

Comprovada da pureza da vodca, que “não causa ressaca”, de acordo com os sócios, faltava a apresentação. Sobrou para uma homenagem às garrafas de leite antigas, de vidro. Tudo para dar o toque de produção small batch que os três amigos queriam. Marketing de lado, de fato a produção da Tiiv ainda é pequena: a empresa fez dois lotes até o momento, 5 mil litros ao todo.

Por enquanto, a marca está em restaurantes e bares selecionados das cidades de São Paulo, do Rio de Janeiro e em algumas praças no interior dos estados. Um mapa interativo com locais para compra está no site da Tiiv, que você acessa clicando aqui.