Arte

Malungas estreia no Paço das Artes do MIS

Ana Hupe mulheres desconectadas de suas terras natais

24 Abr 2017 11:17

O Paço das Artes abre na terça-feira, 25, a mostra Malungas. Fotografada por Ana Hupe, ela mostra mulheres africanas residentes em São Paulo e latinas que moram em Berlim.

Tanto em São Paulo, quanto em Berlim, Ana Hupe fez um chamado para selecionar mulheres interessadas em participar de uma sessão de retratos e da leitura de um texto para vídeos que compõem a exposição.

A artista contou em comunicado à imprensa que as fotos são inspiradas em retratos feitos por fotógrafos estrangeiros (principalmente alemães) da corte e de africanos escravizados no Brasil do século XIX. Os chamados cartões de visita, fotografias de 9×6 cm, eram trocados e colecionados pela elite da época. “A ideia de Malungas é estender essa prática antiga dos cartões de visita, uma estratégia de visibilidade social,às imigrantes hoje, construindo a partir deles, um senso de coletividade entre as imigrantes africanas e afro-descendentes da cidade de São Paulo”, diz.

A mostra traz também uma instalação com duas projeções. Na primeira, latino-americanas que vivem em Berlim lêem trechos de textos em alemão sobre a percepção de estrangeiros do século XIX a respeito da mulher brasileira. Na outra, africanas residentes em São Paulo lêem sobre a perspectiva estrangeira da mulher africana. A exposição conta, ainda, com uma instalação composta por fotogramas (frases e imagens feitas em papel fotográfico) e um áudio que alude à experiência da artista no sistema de trabalho alemão.

Malungas
25 de abril de 2017 até 4 de junho de 2017
Grátis

Paço das Artes no MIS
Av. Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
(11) 2117-4777

Veja mais